quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Saudades, apenas saudades

             Saudade do passado, saudades daqueles que um dia me fizeram sorrir, saudade daquela época que eramos felizes, saudades do tempo de infância, saudades da infinitas brincadeiras, saudades de um amor platônico, saudades do vento, da brisa batendo nos suaves rostos, saudades dos amigos fieis, saudades de um amor verdadeiro, saudades de um bom livro ,das tardes inesquecíveis cheia de idiotices. Saudades de um bom abraço, daqueles que nos deixaram nesse mundo de futilidades, saudades do tempo que não existia essa tal de tecnologia e eramos felizes de um jeito simples, saudades de uma boa música. 

Saudades de tudo isso.
             Saudades de quando a vida não era apenas algo insignificante
e que a valorizávamos mais que tudo. 

             Saudades, nada mais além que saudades, que lembranças jamais esquecidas, nada mais além que coisas que um dia foram meus motivos de vida .

Amanda Laryssa

Um comentário:

Thaissa disse...

saudades daqueles que nos deixaram nesse mundo de futilidades [2] .

Obrigado pelo comentário lá , aqui também tá dez !

boa sorte com o blog , beijo :*