domingo, 20 de novembro de 2011

Amor

Um amor muitas vezes esquecido em troca de outros passageiros, um amor que alguns nem mesmo sabe que existe: o amor de pais e filhos. Muitos só dão valor quando eles se vão, outros riem e tem vergonha de demostrar tal sentimento. E para esses eu apenas digo: vocês não sabem a maravilha que estão perdendo. É algo tão sem explicação, tão forte, tão louco. Algumas vezes paro, analiso, e olho para meu pai e nossa, eu amo esse homem. Ou minha mãe, que mesmo quando me faz raiva, me faz pensar o quanto eu a amo. Seria hipócrita se falasse que nunca briguei, discuti ou me zanguei com eles, mas essa raiva é tão passageira que nem faz diferença. Alias, algumas vezes elas até fazem, essas brigas nos ensinam mutuamente.

Entenda simplesmente que seus pais são seus melhores amigos. Vejo tanta gente chamando amigo de pai, de mãe... essa brincadeira pode até ser divertida, mas o que importa mesmo é se eles consideram seus verdadeiros pais seus amigos. Seus pais: que cuidaram, cuida e cuidará sempre dos filhos.

Saiba valorizar quem realmente te valoriza.


Amanda Laryssa

4 comentários:

Wanessa Carvalho :) disse...

verdade , nossos pais tem que ser os nossos amigos.
http://wanessacarvalhoem.blogspot.com/

Paulo Cesar Souza disse...

Ola ! vim aqui e amei seu blog estou seguindo e também digo belas palavras =D
obrigado por ter visitado meu blog e comentado !!!
De : Paulo do Hearts of The Poem

Jeniffer Yara disse...

Amor verdadeiro de pai e mãe com certeza é o melhor que tem :}

Beijos

Wendel disse...

Olá Amanda!

Primeiramente, vou comentar a descrição sua, que eu viu no perfil.
Costumo ler a descrição das pessoas, e considero interessante o que colocou.
Considero mesmo que não devemos ter um padrão, mas sermos livres, procurando a cada dia, a cada hora, o que nos faz bem.

Caramba!
Realmente adorei o texto!
Concordo com o que diz, é muito bom quando podemos ter um relacionamento saudavel com nossos pais, confiar neles.
Posso dizer que tenho essa sorte, e os considero mesmo como amigos muito profundos.

Posso dizer que tanto eles, quanto minha irmá, nos completamos, é algo muito bom.

Gostei muito de seu espaço, já estou te seguindo.

Quando puder não deixe de me visitar, acredito que vai gostar do próximo post.

Fica um grande abraço.

Wendel aka Bersebah